saudade

É Dia dos Pais

Guilherme Cardoso   Como é bom ser pai e ser abraçado nesse dia. Duro é não ficar com um nó na garganta, uma vontade danada de chorar, quando se lembra do pai que já se foi. Como o meu pai, que partiu antes da hora, aos 69 anos de idade, fora do combinado, como costuma dizer o cantor e apresentador Rolando Boldrin. Parece que foi ontem, 47 anos se passaram, e ainda sinto a presença e [...]

Algumas lembranças

Raramente vou ao centro da cidade. A maior parte das coisas a gente faz é no bairro ou nos shoppings. Hoje tive que ir. Fui ao dentista. E me bateu uma saudade danada. Lembrei-me do cine Acaiaca, passei em frente à loja do Foto Zatz,  na Rua Tamoios, por onde saiam os frequentadores do cinema. Recordei da TV Itacolomi, último andar do prédio, Kopenhagen, loja de chocolates finos, Afonso Pena [...]

QUE SAUDADE DE UMA PASSEATA!

* Guilherme Cardoso- www.guilhermecardoso.com.br       Eram doze horas de terça-feira,  20 de janeiro de 2009. Passava de ônibus e de repente vi um grupo de jovens caminhando, carregando faixas e bradando palavras de protesto. Era uma passeata. Não acreditei. Estudantes secundaristas nas ruas, século XXI, em pleno dia, reivindicando direitos que não são seus? Movimento contra as [...]